CASA QUEM SOMOS SEDE RESPONTISMO GOVERNO NOTICIAS PESQUISAR FALE-CONOSCO DOAÇÕES
 
 
SERVIÇO
O que é economia?
Bancos
Livre Comércio
Livre Mercado
Globalização o que é
Industrias
Agricultura
Empregos
Empresa
Aposentados
Salários
Setor Imobiliários
Bolsas de valores
Jogos do Azar
Feriados
Propriedades comuns
Propriedades rurais
PIB (Produto Interno Bruto)
Tecnologia
Estradas e Rodovias
Aeroportos
Portos
Transportes
Comércio alimentícios
Licitação
SPC, SERASA, CADIN
Monopólio
Receita Federal


Este Brasil ainda não é de todos nós.



JOGOS DO AZAR

Jogos do Azar

Os jogos de azar são jogos nos quais a possibilidade de ganhar ou perder não dependem da habilidade do jogador, mas sim, exclusivamente da sorte ou do azar do apostador encontrar um jogo onde o empresario dará ou não a opção de você levar alguma vantagem.

Para começar a (SFB) não acredita na SORTEDestino, fado, fatalidade: queixar-se da sorte. Fortuna, dita, ventura, felicidade: teve a sorte de sair ileso. ou AZARMá sorte ou desgraça, estava no lugar e hora errada, se deu mal etc., e sim, nas probabilidades de acertos, estando no lugar certo na hora certa, ou se o autor do jogo "ceder" se for maquina, depende da programação dando a chance de alguém (ganhar ou não) algo, este tipo de ação (depende) da honestidade de cada empresário. O jogo de azar, sempre dá sorte aos donos de jogos, para eles não existe o azar, sempre ganham, caso contrário, estes tipos de “modalidades” de jogos deixariam de existir.

A (SFB) conhece todos os (truques) usados nos jogos legalizados ou não. A população humilde e principalmente a pobreza as leva no mundo das ilusões, arriscam pequenas e grandes quantias cada um com seus sonhos ou mesmo por pura avareza, esta sociedade amantes da jogatina possuem uma vontade irresistível de se entreter e ao mesmo tento (tentar) a "sorte" é um (ato) humano mundial, por isso foi chamado de (febre do ouro dos tolos), desde então os jogos de "azar" foram difundidos em todo mundo.

Para a (SFB) a liberdade, significa não impedir ou proibir algo, quem decidirá é a população que gosta de fazer sua costumeira (chamada de "fezinha").

Embora existam pessoas viciadas em jogos do "azar", a maioria tem ciência que sua chance em ganhar é praticamente (0), mesmo assim continuam tentando a sorte. Um ditado popular provavelmente inventado por donos da jogatina, diz: 'Quem não arrisca, não petisca'.

Figura ilustrativa

O que mais se vê nestes "governos" é uma encenação, colocando muitas vezes ou prendendo pessoas de bem por contravenções. O poder público sabe que os verdadeiros donos só usam laranjas. E costumam colocar pessoas muitas delas trabalhadoras, somente para mostrar a mídia sensacionalista que estão "agindo", é mais uma maneira (truculenta) do "desgoverno" obter fama eleitoreira gratuita e ainda receber propina dos (bingos) para continuarem funcionando.

Denuncias levou a crer que a loteria brasileira é pura (farsa) quem ganha são políticos e servidores, usando laranjas para receber premiações milionárias, assim a população (tola) continua fazendo filas enormes em lotéricas, acreditando que o milionário “desapareceu" por ter ficado rico, assim (iludidos) continuam correndo atrás da “sorte” que nunca chegará. (..) O Brasil ainda não possui jogos do azar, mas sim, "jogos dos otários".

A (SFB) não proibirá nenhum jogo do "azar", todas as pessoas devem gastar seu dinheiro aonde desejar, se quer jogá-lo fora o problema é de cada um. O novo sistema de governo saberá cobrar os impostos de uma maneira inteligente, sem violência, truculência ou prisões infundadas. As empresas pagarão impostos de acordo com seu lucro, ou seja, se a empresa “deixa” seus clientes ganharem mais, menos impostos pagará.

No novo sistema de governo haverá muitas inovações para assegurar um entretenimento mais saudável e menos "azarado", aonde poderão ter um pouco mais de “sorte”. Loterias; no bilhete caso seja premiado, você será avisado e mesmo que tenha (extraviado) seu ticket, receberá seu premio.

Cassinos e caça níqueis não serão perseguidos, (pois) "autoridades" envolvem estes jogos ao narcotráfico, isto não procede, a (SFB) sabe que estes "jogos de azar", trazem divisas para o país e entretenimento internacional, além de fortalecer o turismo e principalmente é uma indústria do lazer que não polui.

A (SFB) não apoia o jogo do “azar” e não incentiva jogos desse tipo, mas (abomina) tirar o desejo de sonhar das pessoas.(...)


OBS: A INTENÇÃO DA (SFB) É TORNAR O BRASIL LIVRE, HUMANO E PROSPERO, PARA ISSO É NECESSÁRIO QUE VOCÊ DE SUA SUGESTÃO, CRITICA OU APENAS SEU APOIO NO (FALE CONOSCO). SE ACHAR ESTA MATÉRIA FORA DE SUA PERSPECTIVA, VOCÊ TAMBÉM PODE MELHORA-LA E AMPLIAR O ASSUNTO DE NOSSA PROPOSTA, É MUITO IMPORTANTE O (SEU E-MAIL) SE DESEJA TRANSFORMAR SEU SONHO EM REALIDADE.



Ajude-nos a salvar o Brasil, compartilhe nosso ideal



SOCIEDADE FEDERATIVA BRASILEIRA



Copyright © 1999. Todos os direitos reservado. Revisado em: 14 junho, 2017. Melhor visualizado em 1280x800 pixel